Se quase todos os homens de vinte anos para cima morreram no deserto, por que os seus túmulos nunca foram encontrados? Números 14:29

PROBLEMA: De acordo com Números 14:29, os corpos de todos os homens com idade superior a vinte anos cairiam no deserto. O montante era superior a 600.000. Mas, se tantos assim morreram no deserto, por que os restos de seus túmulos não são vistos espalhados por toda aquela região? 

SOLUÇÃO: Porque o povo foi condenado a peregrinar pelo deserto, as condições eram tais que eles não tinham como construir túmulos que pudessem suportar as más condições climáticas da região nem a devastação de feras selvagens. Provavelmente os túmulos eram apenas covas de pouca profundidade, logo abaixo da areia, ou cobertos com areia grossa. Conseqüentemente, nem os locais desses túmulos nem os esqueletos dos que foram enterrados puderam ser preservados.

MANUAL POPULAR de Dúvidas, Enigmas e "Contradições" da Bíblia - 
Norman Geisler - Thomas Howe.

1 comentários:

Anônimo disse...

7

Postar um comentário

REGRAS AO COMENTAR:

"Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem. Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção. Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade. Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo." [Efésios 4:29-32 (NVI)]

1 - Todos os usuários deverão se identificar de alguma forma (nome, apelido ou pseudônimo).

2 - Comentários somente com letras maiúsculas serão recusados.

3 - Comentários ofensivos serão deletados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Dúvidas entre em contato - helio.juniorjp@gmail.com - "Estejais sempre prontos para responder a todo aquele que pedir a razão da esperança que há em vós" (I Pe. 3.15)

Irmãos

Arquivo do blog